Brasília, 13 de dezembro de 2018 - 21h53

Comércio Exterior

06 de dezembro de 2016
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - Enquanto as negociações para um Tratado de Livre Comércio entre o MERCOSUL e a União Europeia não avançam, o Parlamento Europeu deverá votar no dia 15 de dezembro para ratificar o acordo comercial com o Equador. A informação é do ministro de Comércio Exterior daquele país, Juan Carlos Cassinelli.



Se tudo funcionar como prevê o ministro, o mecanismo entrará em vigor já no dia 1º de janeiro de 2017. Na semana passada, uma delegação equatoriana esteve em Genebra e Bruxelas para reunir-se com representantes do Comitê da Balança de Pagamentos da Organização Mundial do Comércio (OMC) e do Comitê de Comércio Exterior do Parlamento Europeu.



Segundo Cassinelli, “tivemos acesso à convocação feita pelo Parlamento Europeu para as datas de 12 a 15 de dezembro. No dia 14, a moção para ratificação do acordo entrará na pauta e será votada no dia seguinte”, explicou.



Ele disse ainda que o Comitê de Comércio Exterior da UE aprovou por 25 votos a proposta de resolução que permitirá à Eurocâmara autorizar a aplicação do acordo com o Equador. O processo ainda terá de passar em Quito, por ratificação da Corte Constitucional e da Assembleia Nacional.



Cooperação



O Equador assinou ainda um acordo de cooperação por 10 milhões de euros não reembolsáveis, que beneficiará pequenas e médias empresas com capacitação técnica para converterem-se em exportadores para a Europa.



Juan Carlos Cassinelli também se reuniu com executivos do grupo empresarial Globalia que dirige a Air Europa, companhia aérea que inaugurará o seu primeiro voo da rota Madri – Guayaquil – Madri, no dia 16 de dezembro.


Assuntos estratégicos

Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Aprovado projeto que permite a expulsão de estrangeiros acusados de Terrorismo

Brasília – O Projeto de Lei que proíbe a concessão de visto e determina a...
Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasil quer entrar no mercado mundial de lançamentos de satélites

Brasília – O governo federal, por meio da Agência Espacial Brasileira (AEB) quer...
Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

O Senado do Paraguai postergou para março de 2019 a análise de três projetos de...
Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Na última terça-feira, 4, a governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o ministro...
Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...
ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

Brasília – O Diretor-Geral da Agência Brasileira de Inteligência,...
Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...