Brasil e Estados Unidos vão controlar cultivos de
20/11/2011
CELAC é aposta de Chávez para reaver protagonismo
20/11/2011

Peru aprofunda relação estratégica com a Coréia do

Peru aprofunda relação estratégica com a Coréia do Sul

Brasília – O governo peruano decidiu incrementar o relacionamento estratégico com a Coréia do Sul e está decidido a comprar equipamentos militares daquele país.

Entre os dias 14 e 23 de outubro, o ministro da Defesa do Peru, Daniel Mora Zevallos, esteve em Seúl e tratou especificamente da agenda bilateral em matéria de Defesa. Os dois países trabalham para definir políticas e estratégias para o desenvolvimento do setor.

Mora Zevallos participou ainda da Exposição Internacional Aeroespacial e Defesa (Seúl Adex 2011).

O Peru está interessado em promover a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico e industrial no setor Defesa, especialmente com tecnologia coreana, considerada por Lima como uma das mais avançadas do mundo.

Em maio, o então presidente peruano Alan Garcia anunciou a compra de aviões de treinamento KT-1 fabricados pela coreana KAI. As aeronaves irão substituir os EMB-312 Tucano comprados em 1986 e que operam no Grupo Aéreo 51.

O assunto está com o ministério da Defesa que ainda não definiu os detalhes do contrato e nem o número de aeronaves que serão adquiridas.

O KT-1 está desenhado para o treinamento de pilotos de combate. A Força Aérea da Coréia (RoKAF) possui 85 exemplares que também operam nas forças aéreas da Indonésia e Turquia.

No ano passado, a Coréia doou oito caças de ataque A-37 ao Peru, retirados de operação justamente para impulsionar a cooperação em Defesa entre os dois países. Esses aviões foram comprados dos Estados Unidos em 1970.

Além de vender ao Peru, a Coréia do Sul quer fazer do país uma ponte para a venda de equipamentos militares aos demais países da América do Sul.

Nesta segunda-feira, 21, o ministro Daniel Mora Zevallos prestará contas ao Congresso peruano sobre os gastos militares do país.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *