Relações Exteriores

Fronteira
13/11/2015
Integração Econômica
13/11/2015

Segurança Energética

Peru exportará energia elétrica aos países vizinhos, incluindo o Brasil

Brasília – O presidente peruano Ollanta Humala anunciou nesta quarta-feira, 11, que o Peru pretende iniciar a exportação de energia elétrica aos países vizinhos, incluindo o Brasil, Chile e Equador. Segundo ele, o Peru já não tem problemas de oferta energética graças as plantas de energia solar implantadas no sul do país, a energia eólica do norte e as hidroelétricas nas zonas andinas. Humala revelou ainda que em breve o país deverá contar com o gasoduto de Camisea.

“A ideia é que o ministério de Energia e Minas possa dar este passo que é exportar energia a países como o Brasil, Chile e Equador. Desta maneira, o Peru poderia ter um produto a mais de exportação, dadas as fortalezas alcançadas e as facilidades da nossa geografia”, explicou.

O Peru também está modernizando os portos de Ilo e Matarani, no sul, justamente para potencializar-se como exportador competitivo nesta matéria. “Estamos explorando o mercado, analisando nossas normas e adequando-as à exportação. O Peru nunca chegou neste nível de poder olhar para a exportação de energia como uma realidade factível, mas temos que trabalhar para que sejamos competitivos com outros países”, concluiu Humala.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *