Relações Exteriores

UNASUL discutirá Plano de Trabalho para 2012 em Cú
21/11/2011
UNASUL cobra nova relação com a Europa
23/11/2011

Porto peruano permitirá integração com o Brasil

Porto peruano permitirá integração com o Brasil

Brasília – A construção de um porto em Pucallpa (Ucayali) custará cerca de US$ 30 milhões e terá um grande impacto econômico e social uma vez que a cidade é a mais rentável da Amazônia, segundo o presidente da Câmara de Comércio, Indústria e Turismo de Ucayali, Nelson Torres.

Ele afirmou que a construção do porto atrairá investimentos e aumentará o movimento de carga e o desenvolvimento de uma zona de atividade logística. Pucallpa, explicou, poderá converter-se no principal centro de serviços portuários e fluvial da Amazônia.

Além disso, o porto facilitará o desenvolvimento comercial regional, nacional e internacional, já que viabilizará o comércio mediante o transporte multimodal.

“A construção de um porto em Pucallpa melhorará as condições de trabalho daqueles que prestam serviços, mas o mais importante é que fortalecerá o processo de integração de Ucayali e o Brasil, incrementando as atividades econômicas nas áreas de influência portuária”, destacou Torres.

Estimativas da Câmara de Comércio, Indústria e Turismo de Ucayali, mostram que apenas no trecho entre Pucallpa e Tingo Maria, na rodovia Frederico Basadre, passarão em média 500 veículos de carga e passageiros, que produzirão um movimento anual de US$ 146 milhões. Este valor poderá dobrar com a construção do porto que permitiria à região, articular-se com o Brasil.

O Rio Ucayali conta com um calado de 2,10 metros, o que permite a navegação durante todo o ano. O porto na selva amazônica deverá ser objeto de estudo por parte do governo peruano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *