Brasília, 21 de novembro de 2018 - 09h05

Presidente brasileira avalia situação do Haiti e H

22 de fevereiro de 2011
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

A presidente Dilma Rousseff discutiu nesta terça-feira a situação do Haiti e de Honduras com o Secretário-Geral da Organização dos Estados Americanos, José Miguel Insulza.



Em junho, a OEA realiza sua Assembléia-Geral e a expectativa do organismo é pelo retorno de Honduras ao sistema interamericano. O país foi expulso em 2009 depois que um golpe de Estado depôs o então presidente Manuel Zelaya.



Para o Brasil, o reconhecimento do atual governo passa pelo retorno de Zelaya ao país. Ele se encontra asilado na República Dominicana.



“Falamos sobre a necessidade de resolver o problema pendente, que é o retorno seguro e tranqüilo do ex-presidente Zelaya a Honduras, para que o Brasil possa reconhecer o governo daquele país”, afirmou Insulza, após o encontro.



Segundo ele, “o que todos estão de acordo é que temos de pôr um fim a essa situação.”



O governo de Honduras trabalha para conquistar o apoio dos países da União das Nações Sul-Americanas (UNASUL), mas Argentina, Bolívia, Brasil, Equador e Venezuela, se mostram irredutíveis.



José Miguel Insulza explicou que a América Latina vive um momento especial na economia e na política. “Temos na região como um marco de otimismo, de desenvolvimento econômico importante.”



Por outro lado, manifestou a preocupação da OEA com a situação do Haiti.



Poucos foram os avanços concretos após mais de um ano do terremoto que destruiu o país em janeiro de 2010.



“Nossos esforços são para levantar esse país e prepará-lo para as próximas eleições [previstas para 20 de março].”



Na semana passada, o Brasil anunciou a doação de US$ 300 mil dólares para apoiar o processo eleitoral no Haiti. Outros US$ 800 mil já haviam sido liberados no início do ano.

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...