Mundo

Integração Regional
13/01/2017
Política
13/01/2017

Diplomacia

Presidente paraguaio realizará giro internacional por Emirados Árabes, Suíça e Itália

Brasília – O presidente paraguaio Horacio Cartes, realizará um giro internacional por Emirados Árabes Unidos, onde estará no dia 15; Suíça, para o Fórum Econômico Mundial de Davos, entre 17 e 20; e Itália, nos dias 21 e 22, quando aproveitará para reunir-se novamente com o Papa Francisco, no Vaticano. A agenda internacional de Cartes prevê ainda encontros com os presidentes da Colômbia e do México no primeiro semestre deste ano.

De acordo com o ministro das Relações Exteriores, Eladio Loizaga, o presidente paraguaio foi convidado pelo xeque Mohammed bin Zayed Al Nahyan, príncipe herdeiro de Abu Dhabi e Comandante Supremo Adjunto das Forças Armadas, para visitar os Emirados Árabes Unidos, onde assistirá à inauguração da Cúpula Internacional de Energia do Futuro e a entrega do Prêmio Zayed de Energia do Futuro 2017.

O Paraguai é reconhecido internacionalmente em matéria energética renovável, tendo em conta a produção de energia limpa e renovável através das hidroelétricas que abastecem o país. Cartes participará ainda de um Fórum de Negócios sobre o Paraguai, em Dubai, com o objetivo de atrair investimentos em várias áreas, inclusive na produção de alimentos.

Horacio Cartes estará acompanhado de uma comitiva de empresários interessados em promover a exportação de produtos nacionais para os Emirados Árabes.

Davos

Entre 17 e 20 de janeiro, o presidente do Paraguai estará na cidade suíça de Davos para o Fórum Econômico Mundial. Na oportunidade, ele participará de um painel preparado pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), onde fará uma exposição sobre a situação da América Latina do ponto de vista econômico e político. Cartes se reunirá ainda com o Secretário-Geral da OCDE, Ángel Gurria.

De Davos, Horacio Cartes seguirá para um encontro com o Papa Francisco no Vaticano, para tratar do papel da Santa Sé na crise venezuelana, entre outros temas latino-americanos.

O giro internacional conclui em uma reunião de trabalho com o presidente da Itália, Sergio Matarella. A Itália tem sido um dos países europeus mais interessados em investir no Paraguai.

Colômbia e México

Eladio Loizaga anunciou ainda que o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, deverá visitar Assunção no primeiro semestre deste ano. Em agosto, será a vez de Enrique Peña Nieto, presidente do México, retribuir a visita de Cartes àquele país em 2016.

Antes, o chanceler da Turquia, Mevlut Cavusoglu, se reunirá com diplomatas paraguaios também em Assunção e em fevereiro será a vez do ministro de Relações Exteriores da República Dominicana, Miguel Vargas, visitar o Paraguai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *