Brasília, 19 de outubro de 2018 - 00h53

Programa Espacial passa por revisão

19 de julho de 2011
por: InfoRel

O presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB), Marco Antonio Raupp, afirmou em palestra à 63ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que o Programa Espacial Brasileiro é voltado para a solução de problemas nacionais e deve ser autônomo.



No entanto, Raupp deixou claro que não se faz programa espacial sem investimentos fortes, mão-de-obra qualificada e gestão de qualidade.



Ele prometeu trabalhar para triplicar o orçamento do programa espacial que atualmente recebe apenas R$ 300 milhões.



Além disso, a AEB está mapeando a realidade do programa e levantando as demandas do setor em reuniões com representantes de todos os órgãos que compõem o programa, incluindo a indústria nacional.



Quatro reuniões já foram realizadas e ficou decidido que o país precisa de um sistema nacional de prevenção e alerta de desastres; de uma estratégia nacional de defesa; de um melhor monitoramento ambiental e de segurança alimentar e hídrica.



Para atendê-las, o PNAE deverá receber uma nova carteira de projetos, uma participação maior da indústria e da academia no programa, o domínio das tecnologias críticas, um novo orçamento e aprimoramento do Sistema Nacional de Desenvolvimento das Atividades Espaciais (Sindae).



Alguns dos projetos de satélites existentes, como o do satélite Sino-Brasileiro de Recursos Terrestres (CBERS) e os de satélites geoestacionários de comunicação e meteorologia aparecem como prioritários no novo programa.



“Nós temos grandes desafios para o desenvolvimento desses veículos. Temos que dominar a tecnologia do propelente líquido, por exemplo”, disse o presidente da AEB.



Segundo Raupp, a AEB definirá as prioridades e os projetos e eles serão executados pelo Instituto de Pesquisas Espaciais (INPE) e pelo Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), com participação direta da indústria e apoio das universidades.



Ele acredita que a parceria fortalecerá todos os envolvidos na execução do Programa Espacial Brasileiro e tornará mais fácil o domínio de tecnologias que o país ainda não detém.


Warning: pg_exec(): Query failed: ERROR: invalid input syntax for integer: "" LINE 1: SELECT * FROM inforel.categoria_noticias WHERE id = ''; ^ in /home/inforel/www/classes/categoria_noticias.php on line 104

Warning: pg_fetch_array() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/inforel/www/classes/categoria_noticias.php on line 106

Assuntos estratégicos

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...