Brasília, 18 de novembro de 2018 - 13h33

Programa Fx2: todos prometem transferir tecnologia

14 de outubro de 2009
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Representantes das três empresas finalistas do Programa Fx2 de aquisição de aviões de combate para a Força Aérea Brasileira (FAB), garantiram a transferência de tecnologia dos seus modelos para o Brasil, em audiência pública realizada nesta quarta-feira na Comissão de Ciência e Tecnologia, da Câmara dos Deputados.


Os deputados agora querem ouvir o ministro da Defesa, membros da FAB e pilotos sobre a avaliação técnica do F-18 Super Hornet, da Boeing, Gripen NG, da Saab, e Rafale, da Dassault, o preferido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.


A Força Aérea pretende adquirir 36 caças. Na Comissão, todas as empresas assumiram o compromisso de transferir tecnologia, ponto nevrálgico do processo.


O vice-presidente da Boieng, empresa norte-americana, Roberto Gower, garantiu que o Congresso dos Estados Unidos aprova a medida inédita uma vez que o país oferecia no máximo, parceria para a manutenção de equipamentos militares exportados.


Segundo ele, na proposta revisada entregue à FAB, a Boeing oferece o conteúdo do F-18, tecnologia de manutenção, laboratórios de túneis de vento supersônicos e materiais compostos, como cerâmicas e fibra de carbono.


Além disso, a empresa promete montar os aviões no Brasil em conjunto com a Embraer e compromete a construir um laboratório no país para desenvolver tecnologia de construção de aviões invisíveis a radares.


Gower destacou que dos três modelos que disputam a licitação, o F-18 Super Hornet é o único utilizado em guerras e combates de longa duração.


Já o diretor da Dassault International do Brasil Ltda, Jean-Marc Merialdo, esquentou o clima ao afirmar que a França não precisa de autorização de nenhum outro país para vender o Rafale ao Brasil, pois domina toda a tecnologia para criação e evolução desses aviões.


Ele confirmou que a empresa recebeu sinal verde do governo francês para vender o Rafale e os sistemas de manutenção do avião com transferência de 100% da tecnologia.


Bengt Janér, diretor da Saab no Brasil explicou que todas as aeronaves Gripen que forem compradas pela FAB serão produzidas integralmente no país.


Pela proposta da Saab, 80% da estrutura física de cada aeronave será construída no Brasil, inclusive daquelas que serão vendidas na Suécia.


Ele assegurou ainda que toda a parte eletrônica dos aviões será produzida no Brasil. Os softwares em conjunto com a Embraer.


Os suecos se comprometeram a instalar um laboratório de tecnologia supersônica e outro para desenvolver tecnologia eletrônica, no Brasil.

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...