Opinião

Comércio
25/06/2008
Peru e Colômbia são ameaças e Farc um perigo real
26/06/2008

Reféns das Farc na agenda de Lula e Chávez

Reféns das Farc na agenda de Lula e Chávez

Nesta sexta-feira, os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Hugo Chávez se reúnem em Caracas e além da cooperação energética, irão debater a questão dos reféns em poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e a retomada dos esforços por um acordo humanitário naquele país.

Na semana passada, o ex-senador e ex-refém Luiz Eládio Perez, que em maio esteve no Brasil, revelou que Lula poderia receber reféns junto com o presidente da Venezuela, informação não confirmada pelo Planalto.

Lula e Chávez pretendem avaliar o atual contexto regional e a situação das relações políticas e diplomáticas entre a Colômbia e seus vizinhos Venezuela e Equador.

De acordo com o governo brasileiro, o país mantém sua disposição em colaborar na resolução dos conflitos, sobretudo na região, mas desde que solicitado pelas partes envolvidas.

Mercosul

No ano passado, o presidente Hugo Chávez queixou-se da demora na aprovação pelo Congresso brasileiro, do tratado de adesão da Venezuela ao Mercosul e recebeu a promessa de Lula de tentar influir para que o texto fosse ratificado logo.

O Planalto reconhece que a questão é técnica e que o texto aprovado nas comissões da Câmara dos Deputados precisa ser aprovado em Plenário para seguir para o Senado, onde a resistência da oposição é preocupante.

Para o governo brasileiro, a conclusão das negociações técnicas devem prosseguir para que o processo legislativo seja facilitado.

Duas listas que deveriam ter sido apresentadas, até junho, de mil produtos a serem realocados nas cestas de desgravação, e de 500 produtos a serem incluídos em lista de exceção, ainda não ocorreu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *