UNASUL: Integração Sul-Americana é irreversível
04/06/2012
Forças Armadas
05/06/2012

Rei busca contrato para o trem de alta-velocidade

Rei busca contrato para o trem de alta-velocidade Rio – São Paulo

Brasília – O Rei Juan Carlos I esteve nesta segunda-feira, 4, com a presidente Dilma Rousseff num esforço por tentar reverter a imagem negativa da Espanha no Brasil por conta de polêmicas migratórias. No entanto, o principal objetivo é arrancar um contrato de 15 bilhões de euros para que empresas espanholas construam a ferrovia de alta velocidade ligando as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo.

Para tanto, ele desembarcou acompanhado dos mais importantes empresários espanhóis. Nesta terça-feira, Dilma Rousseff recebeu o presidente do Banco Santander, Emílio Botín. A Espanha aposta nos negócios para sair da grave crise econômica que enfrenta.

O contrato brasileiro é duas vezes superior ao que Juan Carlos conseguiu na Arábia Saudita para que empresas espanholas construam o trem de alta velocidade entre Medina e Meca, estimado em 6,5 bilhões de euros.

Diante das dificuldades, a Espanha decidiu apostar na simpatia do Rei para incrementar os negócios com o Brasil e o Chile, principalmente após os problemas enfrentados por suas empresas na Argentina e Bolívia.

Juan Carlos teve papel decisivo também na Arábia Saudita para confirmar a venda de blindados Leopard espanhóis àquele país. Para os empresários do país, o seu papel é fundamental para convencer a presidente brasileira.

O trem de alta velocidade que ligará Rio e São Paulo terá cerca de 600 km e receberá 9 bilhões de euros em financiamento do BNDES. Duas empresas espanholas, Renfe e Talgo, já preparam uma proposta para apresentar ao Brasil até o mês de agosto.

Nesta viagem, Juan Carlos esteve acompanhado do chanceler espanhol José Manuel García-Margallo, e dos presidentes do Santander, Emílio Botín, da Telefônica, César Alierta, da Repsol, Antonio Brufau, da Iberdrola, Ignácio Sánchez Galán, e da Endesa, Borja Prado.

A próxima cartada de Madri é confirmar um encontro entre Dilma Rousseff e o primeiro-ministro espanhol Mariano Rajoy que estará no Brasil entre 20 e 22 de junho para a Conferência Rio+20.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *