Agenda

Obama participa da IV Reunião do Fórum de CEO’s Br
21/07/2009
Os cinco anos da Minustah
21/07/2009

Seminário Internacional de Mídia sobre a Paz no Or

Seminário Internacional de Mídia sobre a Paz no Oriente Médio

Nos dias 27 e 28 de julho acontece, no Palácio Itamaraty, no Rio de Janeiro, o Seminário Internacional de Mídia sobre a Paz no Oriente Médio – “Promovendo o diálogo israelense-palestino – um ponto de vista sul-americano” – que reunirá cerca de 150 convidados de todo o mundo, incluindo 26 palestinos e israelenses, que deverão participar de um debate interativo.

O evento – que acontece pela primeira vez na América Latina – será aberto pelo Sub-Secretário-Geral das Nações Unidas para Comunicação e Informação Pública, Kiyo Akasaka, e pelo ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim.

A palestrante principal do primeiro dia de debates será Karen Koning AbuZayd, Comissária-Geral da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos (UNWRA).

De acordo com a ONU, a UNWRA foi criada há 60 anos e é a principal agência provedora de servicos básicos – educação, saúde e serviços sociais – para mais de 4,6 milhões de refugiados palestinos no Oriente Médio.

Atualmente, a organização está empenhada na reconstrução de Gaza, após a ofensiva militar insraelense de janeiro último.

O Assessor Especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, fará uma palestra sobre “O Processo de Paz, a ONU e os Novos Atores”, que será seguida por um debate com jornalistas da Palestina, Israel, Rússia, Austria e Turquia.

Também participarão do Seminário, o Sub-Secretário-Geral para Cooperação e Promoção do Comércio do Brasil, Embaixador Ruy Nogueira, e o Embaixador Extraordinário para o Oriente Médio, Affonso Celso de Ouro-Preto.

O Seminário, organizado pelo Departamento de Informação Pública da ONU com o apoio do governo brasileiro, pretende abordar os últimos acontecimentos no Oriente Médio e discutir maneiras de engajar israelenses e palestinos na busca por um acordo político abrangente e duradouro.

Entre outros assuntos, o Seminário discutirá a situação política na região, considerando o papel das Nações Unidas e de novos atores inseridos no processo de paz, as expectativas em torno da reconstrução de Gaza, a atuação da mídia na formação da opinião pública e o papel da sociedade civil israelense e palestina na busca pela aceitação das diferenças.

Programação

27/07
09h -10h – Credenciamento
10h -11h – Abertura
Discurso de boas-vindas pelo Sub-Secretário-Geral das Nações Unidas para Comunicação e Informação Pública, Kiyo Akasaka, do Departamento de Informação Pública das Nações Unidas
Mensagem: Ban Ki-moon, Secretário-Geral das Nações Unidas (a mensagem será lida pelo Sr. Akasaka)
Mensagens de boas-vindas:
Celso Amorim, Ministro das Relações Exteriores do Brasil
Antonio Pedro Monteiro Lima, Representante Permanente de Cabo Verde na ONU, Chefe do Comitê de Informação das Nações Unidas.
Discurso Principal: Karen Koning AbuZayd, Comissária-Geral da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos (UNRWA)

11h15-13h – Painel I: “O Desafio da Reconstrução de Gaza após a Guerra”

Moderador: – Kiyo Akasaka, Sub-Secretário-Geral das Nações Unidas para Comunicação e Informação Pública, Departamento de Informação Pública, Nações Unidas
Ruy Nogueira, Embaixador, Sub-Secretário-Geral para Cooperação e Promoção do Comércio do Brasil
Maged Abu Ramadan, Prefeito de Gaza
Eli Dayan, ex-Vice-Ministro das Relações Exteriores de Israel
Andrew Whitley, Diretor, Representante do Escritório da UNRWA, Nova York

Debate

14h30-17h30 – Painel II: “O Processo de Paz, a ONU e os Novos Atores”

O foco do painel será o papel da comunidade internacional, particularmente dos novos atores e das Nações Unidas na promoção do diálogo e da cooperação palestino-israelense, bem como de um amplo processo de paz no Oriente Médio.
Moderador: Afonso Celso de Ouro-Preto, Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário para o Oriente Médio.
Discurso Principal: Marco Aurélio Garcia, Assessor Especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais.
Ahmad Issa Await, jornalista, membro do Conselho Legislativo da Palestina
Thomas Seifert, Repórter-chefe da editoria de jornalismo internacional do jornal austríaco Die Presse
Nahum Barnea, colunista, Yediot Aheronot
Elena Suponina, analista política, Chefe da Editoria Internacional do Vremya Novostei, de Moscou
Semih Idiz, colunista político do jornal Milliyet, Istambul

Debate

18h-20h РRecep̤̣o oferecida pelo Minist̩rio das Rela̵̤es Exteriores do Brasil

28/07

09h30-12h30 – Painel III: “Construindo políticas e opinião pública sobre o Oriente Médio através da imprensa”

O painel analisará a forma como a mídia israelense, árabe e internacional cobriu a guerra em Gaza e outros episódios recentes no Oriente Médio. Como essa cobertura influiu nas políticas públicas e opinião pública?
Moderador: Giancarlo Summa, Diretor do UNIC Rio de Janeiro
Felice Friedson, Presidente e Diretora Executiva da Agência de Notícias de Jerusalém The Media Line
Professor Edmund Ghareeb, especialista internacional em assuntos de mídia da Universidade americana de Washington D.C.
Renata Malkes, correspondente internacional do Oriente Médio do jornal brasileiro O Globo
Pedro Brieger, Editor, Vision 7 Internacional, Canal 7, Argentina
Gidon Levy, colunista do jornal israelense Haaretz.

Comentaristas:
Yaakov Achimeir, Âncora do programa de TV semanal de assuntos globais do Canal 1 de Israel
Mohammad Shaker Abdullah, colunista político e membro do quadro de editores do jornal Al Quds, de Jerusalém
Etta Prince-Gibson, editor da revista semanal The Jerusalém Report
Helda Ereqat, da agência de notícias palestina Ma´an

14h-16h – Painel IV: “O Papel da Sociedade Civil Palestino-Israelense e da Mídia em Unir Lados Divididos: O Caso do Ponto de Encontro e o Círculo de Pais — Fórum das Famílias”

A mídia atual presta muito mais atenção em políticos, militares e militantes do que na preocupação dos cidadãos civis em solucionar o conflito entre Israel e Palestina. Essa atitude gera uma visão distorcida sobre a população local.

O foco político dá a impressão errônea – não apenas entre palestinos e israelenses, mas para todo o mundo – de que apenas políticos têm um papel a cumprir.

Duas versões pequenas de um documentário (uma de quatro e outra de cinco minutos) serão apresentadas aos participantes seguidas de uma sessão de perguntas.

O filme é centrado em Ali Abu Awwad e Robi Damelin, membros do Círculo dos Pais-Fórum das Famílias, um grupo de 500 famílias palestinas e israelenses que buscam a reconciliação em detrimento da vingança.

Moderadora: Paula Refolo, Diretora, Divisão de Comunicação Estratégica, Departamento de Informação Pública, Nações Unidas
Apresentação: Julia Bacha, Escritora e Co-Diretora, Ponto de Encontro
Robi Damelin, membro do Círculo de Pais — Fórum das Famílias
Ali Abu Awwad, membro do Círculo de Pais — Fórum das Famílias
Danny Nishlis, Diretor da Rádio Haifa
Mahdi Abdoul Hadi, Presidente da Sociedade Acadêmica Palestina para o Estudo das Relações Internacionais.

Debate

16h-16h30 – Considerações finais por Kiyo Akasaka, Sub-Secretário-Geral das Nações Unidas para Comunicação e Informação Pública e um Representante do Governo brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *