Brasília, 21 de novembro de 2018 - 13h07

Integração

23 de junho de 2016
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - Em reunião com empresários ligados à Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), o ministro das Relações Exteriores, José Serra, propôs flexibilizar as regras para a Tarifa Externa Comum do MERCOSUL. Segundo ele, “estamos excessivamente amarrados à cláusula da união aduaneira do MERCOSUL. Isso também serviu como pretexto para que o Brasil ficasse para trás porque tinha que levar o MERCOSUL em toda negociação”.



Para o ministro, a flexibilização se daria após uma profunda análise da situação do bloco para permitir que o Brasil possa iniciar negociações unilaterais, atraindo seus parceiros sul-americanos em uma segunda etapa. José Serra é um crítico das regras atuais que obrigam a que toda negociação comercial seja realizada em conjunto, o que dificulta a atração de novos sócios de fora do MERCOSUL.



Política Externa



O ministro afirmou ainda aos empresários da FIESP que a política externa orientada à aliança com os países bolivarianos causou muitos danos para o Brasil. Na sua avaliação, o governo do PT incrementou uma política exterior ideológica apenas para mostrar que “somos de esquerda”, o que se traduziu em um “multilateralismo fanático”.



“O denominador comum que temos com esses países bolivarianos é a desindustrialização. Um populismo que nos levou a jogar dinheiro pela janela. Essa política foi a vanguarda do atraso”, afirmou. Aos membros da FIESP, Serra voltou a defender a Argentina como parceiro prioritário na região.


Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...