Brasília, 18 de outubro de 2018 - 18h29

Super Tucano para combater o narcotráfico

25 de junho de 2007
por: InfoRel
Durante sua visita ao Brasil, na semana passada, o presidente da República Dominicana, Leonel Fernández, anunciou que vai adquirir nove aeronaves de ataque leve Super Tucano, da EMBRAER, para o combate ao narcotráfico.

Ele visitou a fábrica da empresa em São José dos Campos (SP) e se reuniu por mais de uma hora com os executivos da Embraer. O Super Tucano já é utilizado também pela Força Aérea da Colômbia e pela FAB, na interceptação de aeronaves ilegais.

Até fevereiro, cada avião Super Tucano custava cerca de US$ 9,5 milhões. O governo dominicano justificou que a compra dos aviões por US$ 92 milhões é necessária, pois os vôos do narcotráfico cresceram muito nos últimos dias.

Antes da chegada de Fernández ao Brasil, o governo havia informado que em 2006, foram registrados 111 vôos ilegais sob o paà­s e que 5,5 toneladas de drogas teriam sido apreendidas. A decisão foi criticada pela oposição para quem a decisão sobre a compra dos aviões deve ser submetida a uma licitação.

Assuntos estratégicos

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...