Relações Exteriores

Infraestrutura
13/02/2016
Política
13/02/2016

Crise

Tradicional exportador de petróleo, a Venezuela importa o produto dos EUA

Brasília – Tradicional exportador de petróleo, a Venezuela está importando o produto dos Estados Unidos, país acusado reiteradamente pelo presidente Nicolás Maduro, de financiar a oposição e buscar a sua derrocada. À beira de um colapso, Caracas se viu obrigada a adquirir o insumo e refinados do seu pior inimigo.

De acordo com a estatal PDVSA, em janeiro foram adquiridos 550 mil barris da West Texas Intermediate (WTI). A importação deu-se porque o petróleo venezuelano é mais pesado e precisa ser diluído para ter mercado externo. É a primeira vez em 100 anos de atividade petroleira que a Venezuela se vê obrigada a importar o produto dos Estados Unidos. Desde 2014, o país já vem importando petróleo da Argélia, Nigéria e Angola.

Agora, passou a importar também combuistíveis e derivados, como a gasolina para abastecimento interno. Em dezembro, o governo norte-americano levantou a proibição que já durava 40 anos de exportar petróleo para a Venezuela. A medida foi adotada no momento em que Caracas denunciava as ações de Washington para baixar os preços do produto e com isso prejudicar expecificamente Rússia e Venezuela.

Atualmente, a Venezuela estaria produzindo cerca de 2,7 milhões de barris diários de petróleo, muito abaixo dos 5 milhões que chegou a produzir à época do presidente Hugo Chávez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *