Brasília, 12 de dezembro de 2018 - 06h54

UNASUL cobra nova relação com a Europa

23 de novembro de 2011
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - A Secretária-Geral da União de Nações Sul-Americanas (UNASUL), María Emma Mejía, cobrou uma nova relação da Europa com a América Latina ao afirmar em Berlim que a região ocupa "posição afortunada" em relação à crise econômica mundial. 



Ao participar da conferência "América Latina em Transformação", a colombiana destacou o bom momento político e econômico vivido pela região. Segundo ela, "a América do Sul e a América Latina contam com uma carta de apresentação que nunca tiveram".



Mejía explicou que o crescimento econômico, a situação das macroeconomias saneadas, a disciplina fiscal, o crescimento das populações, e principalmente, a conquista da paz em toda a região, devem ser considerados pela Europa.



Com relação a economia, enfatizou que apenas na última década a América Latina retirou 40 milhões de pessoas da pobreza.



Na opinião de María Emma Mejía, o balanço positivo permite que o Sul, pela primeira vez seja parte da solução dos principais problemas mundiais.



Segundo ela, "compartilhamos as preocupações da Europa e dos Estados Unidos, por conta da crise. A América Latina é solidária com aqueles que estão enfrentando problemas".



De acordo com a representante da UNASUL, a "enorme virtude" do bloco foi "desativar conflitos de forma ágil e rápida", por conta da relação direta entre os presidentes dos países membros. "Isso representa um ativo para as organizações, para a União Européia e para todas as nações", afirmou.



"Eu acredito que é momento de sermos percebidos de forma diferente, de repensarem a nossa região, de ver-nos como parceiros e entre parceiros podemos encontrar soluções", cobrou. Ela destacou ainda que a América Latina voltou a receber imigrantes europeus, o que não pode ser ignorado pelas nações européias.



Na sua avaliação, por conta dos enormes recursos naturais, a América Latina pode, dentro de dois ou três décadas, ser o grande epicentro das reservas para a humanidade.



Para Mejía, a região também acertou ao diversificar suas relações comerciais com foco no comércio Sul-Sul com atores como a China que está prestes a se converter no segundo sócio comercial da região.



 

Assuntos estratégicos

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

Senado paraguaio posterga para 2019 análise de leis contra o crime organizado

O Senado do Paraguai postergou para março de 2019 a análise de três projetos de...
Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Paraná inaugura Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública

Na última terça-feira, 4, a governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o ministro...
Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...
ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

Brasília – O Diretor-Geral da Agência Brasileira de Inteligência,...
Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...