Brasília, 18 de novembro de 2018 - 11h24

América do Sul

01 de abril de 2005
por: InfoRel
Compartilhar notícia:
A visita do presidente uruguaio Tabaré Vazquez ao Brasil, foi curta, mas plena de simbolismos. Ele não recuou em relação à  candidatura do uruguaio Perez del Castillo, que pretende disputar o cargo de diretor-geral da Organização Mundial do Comércio, com o embaixador brasileiro, Luiz Felipe de Seixas Corrêa.

Além disso, afirmou que o seu paà­s vai analisar com carinho a pretensão brasileira por um assento no Conselho de Segurança da ONU.
Segundo Tabaré Vazquez, “se houver uma reforma e o Conselho for ampliado, analisaremos com carinho a pretensão brasileira”.

Ele afirmou que respeita a decisão do Brasil de trabalhar pela reforma das Nações Unidas e pleitear um lugar cativo no Conselho de Segurança.

"Conhecemos as legà­timas aspirações históricas do Brasil para integrar o Conselho de Segurança da ONU. Somos comprometidos como paà­s, uma vez que se resolva no seio da organização o aumento do número de integrantes desse conselho, a estudar, levando em conta as legà­timas aspirações que o Brasil tem. O Uruguai observa com atenção e observa com respeito e carinho", disse em discurso no Palácio do Planalto.

Apesar de não ter conseguido êxito nestes dois objetivos polà­ticos, o Brasil considera muito positiva a visita, apesar de curtà­ssima, do presidente uruguaio. O Brasil acabou sendo o primeiro destino do presidente Vazquez, 30 dias após sua posse.

Também ficou claro que o Uruguai tem compromisso com a integração da América do Sul. De acordo com o presidente uruguaio, "não queremos ser somente sócios do Mercosul, mas também protagonistas desse projeto e processo de integração regional". Na sua opinião, o Mercosul é o melhor caminho para a inserção dos paà­ses sul-americanas no mundo.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva garantiu que vai transformar cada palavra sua, em gestos concretos. Ele apoiou o ingresso do Uruguai no G-20, grupo de paà­ses em desenvolvimento. Para Lula, essa é mais uma forma do Mercosul negociar em conjunto nos fóruns multilaterais.

Assuntos estratégicos

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...
Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Comunicado Conjunto dos Chanceleres da Espanha e do Brasil

Os chanceleres de Espanha, Josep Borrell, e do Brasil, Aloysio Nunes, mantiveram encontro de...
Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Declaração do G4 sobre a reforma do Conselho de Segurança da ONU

Em 25 de setembro de 2018, Sua Excelência a Senhora Sushma Swaraj, Ministra das...
Comunicado Conjunto do BRICS

Comunicado Conjunto do BRICS

Os Ministros das Relações Exteriores/Relações Internacionais do BRICS...