Brasília, 10 de dezembro de 2018 - 08h03

Integração Regional

16 de maro de 2016
por: InfoRel
Compartilhar notícia:

Brasília - O ministro de Relações Exteriores do Uruguai, Rodolfo Nin Novoa, afirmou em audiência pública do Parlamento do MERCOSUL, que o país trabalha para que os dois blocos trabalhem em conjunto. Novoa prestou contas sobre os planos do Uruguai que neste semestre preside o MERCOSUL. Ele lembrou ainda que o bloco completará 25 anos em 2016 com uma imagem negativa e poucos resultados efetivos.



Novoa foi claro ao afirmar que a prioridade da presidência uruguaia será a aproximação com a Aliança do Pacífico e o intercâmbio de ofertas com a União Européia. Uma reunião de chanceleres do MERCOSUL e da Aliança do Pacífico está por ser confirmada ainda para este mês. Ela deveria ter sido realizada em fevereiro conforme decidiram os presidentes na última cúpula do MERCOSUL, realizada em dezembro no Paraguai.



No entanto, as negociações com a UE não são as únicas que o Uruguai pretende fazer avançar durante este semestre. De acordo com o chanceler uruguaio, o diálogo com o Canadá, China, Índia e os países da EFTA, também serão priorizados como forma de revitalizar a agenda externa regional.



Rodolfo Nin Novoa, no entanto, sabe que terá de propor uma análise conjunta dos demais países do MERCOSUL para poder dinamizar a agenda extra-regional do bloco. Na sua avaliação, “é preciso confrontar flexibilidade versus rigidez no atual estado do processo de integração”.



O Uruguai também quer fortalecer o Fundo de Convergência Estrutural do MERCOSUL (FOCEM) e lançar em sua presidência, o FOCEM 2. Além disso, fazer com que a Venezuela cumpra com todas as normativas vigentes do bloco até agosto deste ano, pôr em funcionamento o subgrupo sobre integração fronteiriça e revisar o Plano Estratégico de Ação Social do MERCOSUL.


Assuntos estratégicos

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasil defende aprovação de lei que congela bens de terroristas

Brasília – O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu nesta...
Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Paraguai intensifica combate a grupos criminosos do Brasil

Brasília - O governo do Paraguai intensificou o combate das ramificações das...
Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Radares aéreos são instalados para combater tráfico de droga e armas

Brasília - O Brasil vai instalar três radares aéreos para o controle de voos de...
Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Governo brasileiro oficializa extinção da binacional espacial criada com Ucrânia

Brasília - O governo brasileiro encaminhou ao Congresso Nacional a Medida Provisória...
ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

ABIN defende constitucionalização da Inteligência e alerta para ameaças

Brasília – O Diretor-Geral da Agência Brasileira de Inteligência,...
Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Especialistas apoiam adesão do Brasil à Convenção Internacional contra o Terrorismo Nuclear

Brasília – Com cerca de 30 instalações nucleares e 3.000 fontes de...
Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasil firma acordo para facilitar exportação de alimentos para a China

Brasília - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações...
Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Câmara de Comércio Árabe Brasileira quer trabalhar com governo do Brasil

Brasília – Apesar do anúncio feito pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de...
Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Política Externa do novo governo desata críticas ao presidente eleito

Brasília – Os primeiros anúncios feitos pelo presidente da República...
CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

CREDN realizará audiência sobre a importância da Inteligência de Estado para o Brasil

Brasília – A Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional...