Defesa

Indústria de Defesa do Brasil busca aproximação com Coreia do Sul
21/09/2017
Jungmann visita Comando de Defesa Cibernética e Brasil discute cooperação com EUA
21/09/2017

Força-Tarefa Marítima da UNIFIL conduz exercício com a Marinha Libanesa

“Os exercícios coordenados entre a FTM-UNIFIL e LAF-Navy não só mantém as águas territoriais libanesas seguras, como também contribuem de forma importante para a implementação da resolução nº 1701 da ONU (2006)”, afirmou o General Beary, Chefe da Missão da UNIFIL. “Essas atividades conjuntas representam um papel significativo contra a entrada ilegal de armas ou munições no Líbano”.

Como a primeira e única força naval da ONU para a manutenção da paz, a FTM-UNIFIL foi implementada em 15 de outubro de 2006 a pedido do Governo do Líbano. Desde então, foram interrogados mais de 80 mil navios, dos quais cerca de 10 mil foram encaminhados para inspeção pela LAF-Navy.

A FTM-UNIFIL apoia a LAF-Navy na prevenção da entrada não autorizada de armas ou materiais relacionados, por via marítima, no Líbano. Além disso, sua missão também possui o objetivo de incrementar o nível de adestramento das forças navais libanesas, a fim de possibilitar o controle das vias marítimas e a proteção das águas territoriais por aquele país, contribuindo assim para sua soberania e crescimento econômico.

A Marinha do Brasil destaca que a forte presença da FTM-UNIFIL vem trazendo muitos benefícios para a emergente economia do Líbano, incluindo o aumento da confiança dos investidores e a redução do custo das operações de frete marítimo, fatores importantes para o crescimento econômico do país.

Atualmente, a FTM-UNIFIL conta com 824 militares e sete navios de seis diferentes nacionalidades. A Fragata “União” foi o navio capitânia da FTM até 15 de setembro, quando transferiu a função (handover) à Corveta “Barroso”. A FTM também é composta por navios de Bangladesh, Alemanha, Grécia, Indonésia e Turquia, além de dois helicópteros embarcados.

De modo global, a UNIFIL possui cerca de 10.500 militares oriundos de 41 países contribuintes, e realiza cerca de 13.500 atividades por mês, com a missão de contribuir para a manutenção da paz no sul do Líbano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *