Brasília – Nesta sexta-feira, 8, realizou-se a VI Reunião da Comissão de Monitoramento de Comércio Brasil-Colômbia que culminou com a assinatura do Memorando de Entendimento que estabelece as mesmas condições de acesso recíproco constantes do Acordo de Complementação Econômica nº 72 (ACE 72) a bens originários de zonas francas e áreas aduaneiras especiais.

De acordo com o Ministério da Economia, a assinatura do documento se insere no contexto do encontro entre os presidentes Jair Bolsonaro e Iván Duque, que deverá ocorrer em Brasília, no próximo dia 19 de outubro.

Os dois países também discutiram os esforços realizados para facilitar o comércio bilateral, como o trabalho para viabilizar o reconhecimento e o intercâmbio de Certificados de Origem Digitais (COD), e para impedir a cobrança duplicada de impostos entre os países, por meio de um Acordo para evitar a Dupla Tributação (ADT).

Foram tratados ainda o aprofundamento das condições de acesso bilaterais previstas no ACE 72 – principalmente para os setores automotivo, têxtil, plástico e agropecuário –, negociações de compras governamentais e medidas voltadas para o aumento do fluxo bilateral de investimentos entre os países.

Imagem: DC Logistics Brasil